O mês de Setembro já começa com o Move Mulher Empreendedora em Dias D’Ávia. Às 19h, nas Pracinhas da Cultura (Pracinha do Céu). O movimento traça um diagnóstico do empreendedorismo feminino local, de maneira participativa, para a construção do Plano Estratégico de Desenvolvimento Feminino, Inovação e Negócios para o Estado da Bahia. 

 

“Identificamos que 70% das pessoas desempregadas na pandemia são mulheres e, no Brasil, apenas São Paulo é considerada uma cidade propícia ao empreendedorismo feminino. Vamos mudar essa realidade na Bahia com políticas públicas de capacitação, acesso a crédito e tecnologia”, disse Roberta Caires, coordenadora-geral. “Nosso desafio é formar redes entre elas, para gerar negócios, troca de informações e oportunidades”, completou.  

 

Não importa o tamanho do negócio, as empreendedoras serão ouvidas para mapeamento das necessidades e do potencial do empreendedorismo feminino baiano. De acordo com o Sebrae, a Bahia representa 6% do total de empreendedoras do país, quase 500 mil empreendedoras, 57% delas são chefes de domicílio e 82% ganham até um salário mínimo. 

 

Cada evento dura duas horas, com Oficina de Empreendedorismo, Certificado de Participação, além da apresentação do mini-documentário Move Mulher. O Move Mulher já esteve em 21 localidades entre Salvador e interior do Estado, certificando 1.177 mulheres.