A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu um caminhão baú carregado com centenas de caixas de cigarros de origem clandestina na tarde desta quarta-feira (20), no Km 830 da BR 116, trecho do município de Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia.

Durante as ações de fiscalização e combate ao crime, os policiais deram ordem de parada ao caminhão Mercedes Benz com placa do estado do Ceará. Ao ser questionado sobre a carga que estava transportando, o motorista do caminhão alegou que era uma mudança.

Com intuito de proceder com fiscalizações de trânsito, foi aberto o compartimento de carga e descoberto 350 caixas de cigarros, o que totalizou 175.000 maços de cigarros de origem Paraguaia. A mercadoria está avaliada em aproximadamente R$ 612.500,00.

O passageiro, quando indagado, admitiu que a carga era dele e que havia contratado o motorista para realizar o transporte e que o mesmo tinha conhecimento que estava realizando um transporte de produto contrabandeado. Diante dos fatos, passageiro e motorista foram encaminhados à Polícia Federal de Vitória da Conquista. Veículo e carga foram encaminhadas para a Receita Federal para os procedimentos cabíveis.

Contrabando e descaminho -  O contrabando é o ato de importar ou exportar mercadoria proibida. Já o descaminho é o ato de iludir, no todo ou em parte, o pagamento de direito ou imposto devido pela entrada, pela saída ou pelo consumo de mercadoria. Um outro mal trazido pelo cigarro, que atinge consumidores e não consumidores da droga, é a evasão fiscal, o que significa menos recursos para a União aplicar na Saúde, Educação, Segurança e outras áreas importantes do governo.

Penalidade – A pena base para o crime de contrabando e descaminho varia de 2 a 5 anos de reclusão.

 

 

 

 

Fonte: Metro1