O Governo da Bahia determinou a prorrogação das medidas mais restritivas para a capital baiana e alguns municípios inseridos na Região

Metropolitana de Salvador (RMS). O decreto está publicado na versão online do Diário Oficial do Estado (DOE). Com esta decisão, apenas o funcionamento das atividades consideradas essenciais continua permitido até as 5h de 22 de março.

Apenas Itaparica, Vera Cruz, Pojuca e Mata de São João não vão aderir à prorrogação do decreto e terão serviços não-essenciais funcionando a partir desta segunda-feira (15), até as 17h.

Em Salvador, Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Lauro de Freitas, Madre de Deus, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões Filho, somente as atividades relacionadas à saúde e ao enfrentamento da pandemia, à comercialização de gêneros alimentícios e feiras livres, à segurança e a atividades de urgência e emergência poderão ser realizadas.

Ou seja, lojas, bares, restaurantes e comércio em geral estarão fechados até o fim da duração das medidas que podem ser prorrogadas caso a situação não melhore nas cidades.