Home » Minuto JR Mundo : Júri dos EUA condena mãe por permitir que filho atirador portasse armas

Minuto JR Mundo : Júri dos EUA condena mãe por permitir que filho atirador portasse armas

por Do R7
minuto-jr-mundo-:-juri-dos-eua-condena-mae-por-permitir-que-filho-atirador-portasse-armas

Veja também: Príncipe William participa do primeiro compromisso desde diagnóstico de câncer do rei Charles III JR na TV 07/02/2024 – 20h34 (Atualizado em 07/02/2024 – 20h50) Para ver este vídeo, ative o JavaScript e considere atualizar para um navegador da Web que suporta vídeo HTML5 Pela primeira vez, um júri dos Estados Unidos considerou a mãe de um atirador adolescente culpada por homicídio involuntário. O filho dela matou quatro estudantes em um ataque a uma escola no Michigan, em 2021. Segundo os promotores, a mãe foi negligente ao permitir que o adolescente tivesse uma arma. O jovem de 17 anos cumpre prisão perpétua. O pai enfrenta julgamento pelas mesmas acusações. Veja também: Príncipe William participa do primeiro compromisso público desde diagnóstico de câncer do rei Charles III. Protestos de agricultores na Espanha chegam ao segundo dia. Porta-voz de Milei diz que presidente considera outras ferramentas para aprovar a Lei Ônibus. Últimas

você pode gostar