Home » Condutor de barco que naufragou na Bahia perdeu filha e neto no acidente

Condutor de barco que naufragou na Bahia perdeu filha e neto no acidente

por RIGUE
condutor-de-barco-que-naufragou-na-bahia-perdeu-filha-e-neto-no-acidente

A Polícia Civil da Bahia identificou o condutor do barco que naufragou no domingo (21), na Baía de Todos os Santos, como sendo Fábio Freitas, que teria fugido do local após o acidente que terminou com oito pessoas mortas.Entre as vítimas estavam a filha de Fábio, Flaviane Jesus dos Santos, de 29 anos, e o neto, Jonathan Miguel de Jesus Santos, de 7.O condutor tem depoimento marcado para esta terça-feira (23). O Comando do 2° Distrito Naval, em Salvador, informou na manhã desta terça a localização de mais duas vítimas do naufrágio da embarcação “Gostosão FF”, ocorrido nas proximidades do município de Madre de Deus, na Baía de Todos os Santos.Outras cinco vítimas tinham sido localizadas no domingo (21) e uma na segunda-feira (22).Quem são as vítimas do naufrágio?– Alicy Maria, de 6 anos;– Vanderson Queiroz, de 42 anos;– Rosimeire Maria Souza Santana, de 59 anos;– Flaviane Jesus dos Santos, de 29 anos;– Ryan Kevellyn de Souza Santos, de 22 anos;– Caroline Barbosa de Souza, de 17 anos;– Jonathan Miguel de Jesus Santos, de 7 anos;– Hayala dos Santos Conselho, 33 anos.Os responsáveis pela defesa do condutor não foram encontrados para comentários sobre o caso.InquéritoConforme a Marinha, foi instaurado Inquérito sobre Acidentes e Fatos da Navegação (IAFN) para apurar as causas e circunstâncias do ocorrido.Ainda não há informações precisas, mas, sobreviventes informaram, extraoficialmente, que ocorreu uma briga no meio do trajeto, de cerca de 1,5 quilômetro, entre passageiros, por conta do pagamento da travessia entre a Ilha Maria Guarda e Madre de Deus, no valor de R$ 10 por pessoa.O Capitão dos Portos, Wellington Gagno afirma que o barco estava com uma lotação acima do permitido, que seria de 11 pessoas; ao menos 15 estavam na embarcação. “Os inquéritos ainda vão apurar, mas uma briga pode ter levado as pessoas para um mesmo lado da embarcação. A movimentação desestabilizou o barco, que emborcou” avaliou.

você pode gostar