Home » Codecon aprova projetos de indústria têxtil que atende grandes marcas

Codecon aprova projetos de indústria têxtil que atende grandes marcas

por Diario Digital
codecon-aprova-projetos-de-industria-textil-que-atende-grandes-marcas

(Foto: Divulgação)O Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico (Codecon) se reuniu nesta quarta-feira (27), de forma extraordinária, para votar dois projetos que vão trazer mais emprego e desenvolvimento para Campo Grande. Um dos projetos aprovados é da empresa indústria têxtil Kabriolli, sediada no Polo Empresarial Oeste, que atende grandes marcas como C&A, Marisa, Renner, Zara, Luigi Bertolli e outras. O outro projeto é da empresa Marinello, que atua no setor varejista, o que mais emprega na Capital.Segundo dados do Boletim Econômico, publicado pela Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio (Sidagro), nos últimos 12 meses até fevereiro de 2024, foram gerados em Campo Grande 7.778 novos postos de trabalho formais. Com isso, o estoque de empregos formais atingiu 243.858 trabalhadores com carteira assinada, 81,24% desses empregos concentrados no setor de serviços (incluindo o comércio).Com a aprovação dos projetos, que agora seguem para análise da Câmara Municipal, a expectativa é que 148 vagas sejam mantidas e dez sejam abertas em Campo Grande, tanto no setor industrial, como no comércio varejista, já que a segunda empresa que teve benefícios aprovados, atua na distribuição de peças para veículos automotores e na prestação de serviços de manutenção veicular.Para o secretário municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Adelaido Vila, a principal conquista é sempre a geração e a manutenção de postos de trabalho. “Esses números demonstram o potencial dos projetos aprovados em promover a inserção e a qualificação profissional dos campo-grandenses e de quem escolhe viver aqui no mercado de trabalho”, conclui.Os investimentos aprovados representam um significativo aporte de recursos na economia e vai movimentar o conjunto da atividade industrial, que foi responsável pela abertura de 5.392 postos formais de trabalho em todo o Mato Grosso do Sul em 2023, sendo que, apenas em Campo Grande, foram 964 vagas ou 17,87% do total de postos de trabalho.Para a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, a cada nova reunião do Codecon há melhores expectativas de investimentos e crescimento para Campo Grande. “O objetivo da administração municipal é de transformação e desenvolvimento econômico da cidade e, para isso, além do trabalho realizado por meio do Prodes, a Prefeitura aprovou recentemente a lei de redução do ISS para franqueadores, a fim de garantir a Lei da Liberdade Econômica. Desenvolvimento é geração de renda e garantia de melhores condições de vida para todos que vivem em Campo Grande”, finaliza.

você pode gostar